Tag Archives: Marianne Vos

o inevitável

Aos 30 anos e depois de uma época que deixou a desejar (apenas 2 vitórias em etapas na Volta à Espanha; se tivermos em conta as grandes épocas de 2010 e 2011 que este senhor fez) Philippe Gilbert é o novo campeão do mundo numa prova onde era em conjunto com Óscar Freire, Edvald Boasson Hagen, Peter Sagan e Alejandro Valverde um dos principais favoritos à vitória. Era aquele título que deveria ter abrilhantado a fantástica época de 2011 do Belga. Gilbert atacou na última subida do traçado de 262 km que ligou Maastricht a Valkenburg (Holanda), traçado que serve de palco para uma das mais espectaculares provas da temporada ciclística, a Amstel Gold Race, prova que Gilbert já ganhou por 2 vezes na sua carreira em 2010 e 2011.

Alejandro Valverde arrecadou a prata para a Espanha e o Norueguês Edvald Boasson Hagen culminou de forma brilhante a participação da selecção Norueguesa nas provas internacionais (a Noruega já tinha vencido a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos através de Alexander Kristoff) com a medalha de bronze.

Na quarta-feira, o Alemão Tony Martin venceu a prova de contra-relógio e ainda importante também foi a vitória da Holandesa Marianne Vos na prova de estrada feminina, juntando a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos à vitória nestes mundiais.

Anúncios
Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

De Londres #7

A Holandesa Marianne Vos deu a primeira medalha de ouro ao país das Tulipas nestas Olimpíadas. Na prova de estrada de ciclismo feminina, Vos fugiu do pelotão a 40 km da meta em conjunto com a Britânica Elizabeth Armitstead (medalha de prata) e a russa Olga Zabelinskaya (bronze). Vos de 25 anos, também irá competir na pista na próxima semana. Na estrada, para além de diversos títulos nacionais de estrada, ja venceu diversas etapas do Giro de Itália feminino e já foi por uma vez campeã do mundo de estrada da UCI.

Eis um resumo da prova no Diário Espanhol Marca.

Duelo intenso de porta-estandartes na 1ª jornada do torneio de basquetebol. A Espanha bateu a China por 97-81. O Porta-estandarte Pau Gasol apontou 21 pontos para o lado espanhol. O congolês naturalizado espanhol Serge Ibaka também esteve a altíssim nível com 17 pontos. Do outro lado, o porta-estandarte Chinês Yi Jianlian (Dallas Mavericks) fez 30 pontos.

Noutro prisma, outra das notícias do dia é ausência da Britânica Paula Radcliff na prova da maratona, prova marcada para dia 12. A Britânica que nos habituou aquele estilo estranho de corrida (abana a cabeça enquanto corre) perde mais uma oportunidade (talvez a última) para conquistar diante dos seus compatriotas a medalha de ouro. Radcliff já tinha desistido na prova de Pequim em 2008 devido a problemas físicos.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , ,