Tag Archives: Manuel Alegre

eu não sou de intrigas

tenho cá um pressentimento que esta história do Sócrates comentador político não é bem bem para ser comentador político. já vi o mesmo filme por várias vezes a acontecer dentro do partido socialista: o guterres e o sampaio conspiravam na casa de Algés do antigo primeiro-ministro para mandar a baixo o Soares e no fim das contas, os amigos zangaram-se e o Sampaio bateu couro e o Guterres avançou para as legislativas, deixando ao Sampaio a presidência. quando o Guterres saiu do governo, o Ferro Rodrigues fez figura de palhaço contra Durão Barroso, bateu couro numa oposição muito pobre e depois foi arredado pelas alegações que dele se faziam na sua relação com o escândalo casa pia (confesso que a última frase era para ser foi afastado depois de se saber que também ia ao cú aos meninos) para entrar o sócrates que tratou também ele de despejar o Alegre para fora do partido e ser candidato às legislativas e primeiro-ministro. nas últimas legislativas, o sócrates saiu de cena para Paris, o Seguro ficou com o barco partidário completamente despedaçado, o francisco assis foi queimado pelo caminho e Seguro dançou com Costa, se bem que neste caso, Costa sabia que algo de força maior (o regresso do querido líder) estava a ser preparado. as ilações que se podem tirar destas danças são óbvias: o querido líder não vem de Paris para a RTP para imitar o professor marcelo e dar a machadada final neste pobre (des)governo do PSD e do CDS. vem para buscar o trono perdido. tanto é que com petições e anti-petições, trocas e baldrocas, confusões e enganos, o largo do Rato está novamente em polvorosa e a notícia fez arregimentar num só dia todo um partido embrenhado em tremendas confusões e sectarismos nos últimos meses.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , ,

Grande Raquel Freire

Via Denúncia Coimbrã e Antena 1 (ouvir aqui a brilhante crónica de Raquel Freire)

Cara Raquel, nunca nos iremos calar.

Como cantava o Adriano Correia de Oliveira, nos versos de Manuel Alegre na “Trova do Vento que passa” como tão bem retratou no seu filme “Rasganço”: “há sempre alguém que resiste\há sempre alguém que diz não”

“Pergunto ao vento que passa
notícias do meu país
e o vento cala a desgraça
o vento nada me diz.

Pergunto aos rios que levam
tanto sonho à flor das águas
e os rios não me sossegam
levam sonhos deixam mágoas.

Levam sonhos deixam mágoas
ai rios do meu país
minha pátria à flor das águas
para onde vais? Ninguém diz.

Se o verde trevo desfolhas
pede notícias e diz
ao trevo de quatro folhas
que morro por meu país.

Pergunto à gente que passa
por que vai de olhos no chão.
Silêncio — é tudo o que tem
quem vive na servidão.

Vi florir os verdes ramos
direitos e ao céu voltados.
E a quem gosta de ter amos
vi sempre os ombros curvados.

E o vento não me diz nada
ninguém diz nada de novo.
Vi minha pátria pregada
nos braços em cruz do povo.

Vi minha pátria na margem
dos rios que vão pró mar
como quem ama a viagem
mas tem sempre de ficar.

Vi navios a partir
(minha pátria à flor das águas)
vi minha pátria florir
(verdes folhas verdes mágoas).

Há quem te queira ignorada
e fale pátria em teu nome.
Eu vi-te crucificada
nos braços negros da fome.

E o vento não me diz nada
só o silêncio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

Ninguém diz nada de novo
se notícias vou pedindo
nas mãos vazias do povo
vi minha pátria florindo.

E a noite cresce por dentro
dos homens do meu país.
Peço notícias ao vento
e o vento nada me diz.

Quatro folhas tem o trevo
liberdade quatro sílabas.
Não sabem ler é verdade
aqueles pra quem eu escrevo.

Mas há sempre uma candeia
dentro da própria desgraça
há sempre alguém que semeia
canções no vento que passa.

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não.”

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , ,

Hilariante

Não me saem da cabeça aquelas imagens da confusão que houve com a entrada de José Sócrates no congresso do PS.

O olhar para a camara daquele segurançamilitante do PS é pura e simplesmente hilariante.

Com este congresso, o PS provou ter uma máquina eleitoral demolidora. Os tolinhos dos militantes da província (camaradas) aparecem lá no congresso com as suas bandeiras e cachecóis pelo cheiro de meia dúzia de bifanas no pão, como se o Partido Socialista fosse efectivamente um grande clube de futebol prestes a atingir a final da Champions League.

Não existem muitas críticas nem oposição interna no partido. Acusam os outros de andar a reboque das grandes instâncias financeiras mundiais mas na verdade, todos aqueles que se deslocaram a Matosinhos estão nas palminhas da mão de um líder falacioso, egocêntrico, inverosímel e acima de tudo autista, visto que não é capaz de respeitar os princípios mais básicos da convivência e do diálogo entre os homens (não aceita críticas) e os princípios basilares do jogo democrático.

Tenho pena deste Partido Socialista de Sócrates. Não é o mesmo partido de Soares, Alegre, Sampaio ou António Guterres. É uma sombra. É uma nódoa. É um poço inesgotável de políticos inúteis. E como tal, será julgado em eleições pelo povo sem qualquer tipo de piedade.

Com as etiquetas , , , , , , ,

Abstenção

Num país cujo povo andou quase 5 década a reclamar por liberdade, actualmente, não sabe utilizar a liberdade que lhe é conferida.

Um povo que todos os dias manifesta o seu desagrado perante a actuação dos seus governantes, quando é chamado às urnas fica em casa e não vai votar.

52,47% de abstenção significam que existem quase 5 milhões de Portugueses que reclamam, mas não querem intervir na vida política do país quando são chamados às urnas.

É por isso, que cada vez mais defendo o voto obrigatório para todos os cidadãos. O civismo começa aqui: para reclamar, é preciso participar. Os Portugueses não o parecem entender…

Quanto às eleições, não vou tecer quaisquer comentários. Estou por demais desiludido com a ignorância dos Portugueses. Voltaram a acreditar no conto do vigário. Teremos novas eleições em breve. Legislativas. Nesta noite de domingo, Cavaco é alegre. Passos Coelho ainda é mais alegre. Manuel tornou-se triste e Sócrates está a fazer contas à vida e a reformular o seu método pois vem aí duras batalhas contra a oposição.

E o povo Português, com isto tudo, ficará mais pobre…

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , ,

Sondagem Presidenciais: Cavaco Silva vence eleições

Notas Prévias:

1. Esta sondagem, realizada no período compreendido entre 2 de Dezembro e 23 de Janeiro (hora de fecho às 18:29) não foi realizada segundo qualquer tipo de padrões profissionaislegislativos e destina-se apenas a prestar um pequeno carácter informativo aos leitores deste blog. Nela, cada utilizador (IP) tinha direito a votar apenas por 1 vez.

2. Dado que na hora de postagem da sondagem coloquei os pré-candidatos Luis Botelho Ribeiro e José Pinto Coelho na mesma e como os mesmos não se confirmaram como candidatos com o decurso do tempo, decidi anular os votos colocados no seu espaço (6 em Pinto Coelho; 3 em Botelho Ribeiro) sendo portanto o total de votos da sondagem de 216 votos.

Quanto à Sondagem em si:

Cavaco Silva acabou por vencer a Sondagem realizada no blog com um total de 57 votos contra 51 de Manuel Alegre e 43 de Francisco Lopes. Caso este cenário fosse real, teríamos lugar a uma 2ª volta.

Resultado das votações:

Total de votos: 216 votos

1º Aníbal Cavaco Silva – PSDCDS-PP – 57 votos (26.38%)
2º Manuel Alegre – PSBE – 51 votos (23.61%)
3º Francisco Lopes – CDU – 43 votos (19,90%)
4º Fernando Nobre – independente – 23 votos (10.64%)
5º José Manuel Coelho – PND – 21 votos (9.72%)
6º Defensor Moura – independente – 5 votos (2.31%)

Votos em Branco: 9 votos (4.16%)
Abstenção: 5 votos (2.31%)

Como referi no ponto 1 das notas prévias, esta sondagem não foi realizada segundo os padrões profissionaislegislativos que regulam as mesmas, tendo sido efectuada segundo as escolhas de votos dos leitores do Entre o Nada e o Infinito.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , ,

Senilidades

O mesmo que disse no post de baixo para Fernando Nobre serve para Alegre…

Em Águeda.

Comparar as sondagens feitas de forma aleatória a 1002 pessoas há uns dias atrás por uma empresa privada à fraude eleitoral de 1958 que derrotou o General Humberto Delgado só pode vir de alguém que por fruto da idade já se encontra senil.

Eu não vivi esses tempos. Alegre viveu esses tempos. Alegre já se metia na política nesses tempos.

E o que me choca profundamente no meio disto tudo é que eu tenho a perfeita percepção que a fraude eleitoral de 1958 apareceu porque Humberto Delgado venceu as eleições e como tal, iria demitir Salazar, fazer cair o regime e devolver a liberdade (a todos os níveis) aos Portugueses.

Por isso, comparar tempos em que havia extrema restrição dos direitos, liberdades e garantias a tempos em que infelizmente a liberdade de expressão neste país é usada por pessoas como Manuel Alegre para dizer as maiores baboseiras que lhe vêm a cabeça só com o intuito de abalar candidatura alheia, só pode significar que o candidato apoiado por PS e Bloco de Esquerda já não se lembra como era estar privado da liberdade e de um estado democrático.

Senilidades.


Com as etiquetas , , , , , , , , ,

Esta não esperávamos

Sempre tive em conta Fernando Nobre por ser um exemplar cidadão e um humanitário de primeira classe que não existe nos nossos dias… O seu trabalho na AMI ao longo dos anos em que assumiu a estrutura é prodigioso, digno de reconhecimento da humanidade através de um Nobel da Paz.

No entanto, sempre achei despropositada a sua candidatura a Belém. Creio que os homens deverão exercer aquilo em que são bons profissionais. Nobre é um excelente médico e é um excelente agenteactor humanitário, não político.

Mesmo assim, ainda dei o benefício da dúvida a Fernando Nobre. Sempre pensei, que no meio desta “garraiada” pelo poder, Fernando Nobre fosse de longe o candidato mais sóbrio. Acabei por me enganar. Nobre entrou definitivamente no jogo e também ele começou a alimentar folclóres e quimeras, desiludindo aqueles que por falta de alternativa e por mérito das suas campanhas humanitárias eram à priori dispostos a votar em si para uma eventual mudança na Presidência da República.

Nos últimos dias, temos assistido a um Fernando Nobre que sempre que vem a público afirma coisas que só fazem alimentar a máquina de folclore que a Comunicação Social tem alimentado entre os candidatos presidenciais. Afirmar que vai vencer Cavaco Silva, que Manuel Alegre deve desistir da sua candidatura na 2ª volta porque acha que é o único candidato capaz de bater Cavaco Silva e afirmar que está a ser alvo de ameaças de morte pode ser sinal que a candidatura do médico está a entrar num desespero tal que a estratégia agora passa por disparar para todos os lados…

E isso, isso não é bom para a democracia. A alternativa a um Presidente da República que se recandidata não passa pela apresentação de afirmações estúpidas e descabidas entre candidatos mas sim pela apresentação de ideias que agradem ao povo e que sejam cumpridas caso surja a eleição.

Se tomarmos em conta que existem candidatos que prometem mundos e fundos ao povo Português, estamos perante um caso em que os próprios candidatos presidenciais não sabem os poderes, competências e atribuições do Presidente da República Portuguesa. Prometer Metro Mondego, redução da pobreza, redução das desigualdades sociais num país onde o Presidente da República não o pode fazer por via daquilo que lhe é adstrito pela lei máxima do país e que é competência do governo e da Assembleia da República, é passar um “cheque em branco” de honestidade intelectual aos Portugueses.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , ,

Casa de Manuel Alegre em Águeda assaltada e vandalizada…

Revela o público aqui.

Engraçado! Ainda ontem à tarde passei perto do referido edifício e não vi nada que o indiciasse. Tal facto nem sequer é do conhecimento de alguns dos meus amigos.

Estavam à procura de quê os marotos? Dinheiro? Objectos valiosos? Documentos que pudessem servir contra o candidato? Erraram na porta. Alegre só vai duas vezes à sua casa de Águeda por ano!

Com as etiquetas , , , , , ,

Debates Presidenciais: Manuel Alegre vs Cavaco Silva

http://sic.sapo.pt/online/flash/playerSIC2009.swf?urlvideo=http://videos.sapo.pt/rsVzG1cfndie4u1YZbPe/mov/1&Link=http://sic.sapo.pt/online/video/informacao/noticias-pais/2010/12/o-ultimo-dos-debates-entre-candidatos-presidenciais-com-cavaco-e-alegre30-12-2010-0330.htm&ztag=/sicembed/info/&hash=FF3C1208-4291-4FCC-8A32-9B9AB0E99B57&embed=true&autoplay=false

Fonte: SIC Online

Cavaco Silva sai naturalmente mais fragilizado destes debates. Teve excelentes debates contra Francisco Lopes e Defensor Moura, mas em ambos, saiu derrotado… De Manuel Alegre esperava-se mais acutilância neste debate. O ditado popular assim o diz: cão que ladra não morde. Alegre está a cometer erros atrás de erros: está a falar demais, no tempo errado, na hora errada. Ataca demasiado o adversário a partir da sua vida pessoal e não da sua vida política.

Na candidatura de Alegre parece não haver ninguém que o controle, que o diga para ser mais ponderado. E é por isso, que Manuel Alegre voltará a perder.

Cavaco Silva não pode vir com falinhas mansas em relação ao dossier BPN: são 5 mil milhões de euros o valor que os clientes da Caixa Geral de Depósitos já colocaram no banco. 5 mil milhões de euros representam cerca de 40% do valor actual da nossa dívida pública. O Estado não pode perdoar Oliveira e Costa. Não se pode perdoar alguém que roubou indiscriminadamente por ganância. Pela ganância de ter mais dinheiro. Senhores como Oliveira e Costa seguem as máximas do capitalismo ao extremo: não existe um valor máximo a atingir ao nível de riqueza pessoal – vai-se aumentando até onde der, não se importando para isso de se terem que sacrificar as pessoas que forem necessárias.

E Cavaco Silva, como homem da Economia sabia que o BPN estava mal. Sabia que Oliveira e Costa estava a levar o banco à ruina. E por isso, em 2003, em conjunto com a sua filha retirou o seu dinheiro de lá.

Com as etiquetas , , , , , ,

Campanha num carro funerário…

Depois ter visto aceite a sua candidatura pelo Tribunal Constitucional, o candidato José Manuel Coelho (o único que ainda não obteve qualquer voto na sondagem Entre o Nada e o Infinito) promete uma campanha que será no mínimo bizarra.

Inspirado nas campanhas eleitorais dos nossos amigos Brasileiros, o deputado regional madeirense apoiado pelo Partido Nova Democracia promete fazer campanha eleitoral num carro funerário com a inscrição “Coelho ao poleiro”. O carro funerário tem uma simbologia sui géneris: José Manuel Coelho pretende enterrar a corrupção em Portugal.

Segundo as palavras do próprio: “É preciso que o povo conheça as minhas ideias, que saiba que a minha candidatura não é local, mas nacional, contra todos os candidatos do sistema político. Não é uma candidatura contra Cavaco Silva, mas todos, incluindo o senhor Manuel Alegre.”

Não é a primeira do candidato: há uns dias atrás prometeu que a sua candidatura vai à 2ª volta das presidenciais.
Há uns anos atrás (como pode ser visto no vídeo em baixo) José Manuel Coelho ficou famoso em todo o país, por ter levado uma bandeira nazi para a Assembleia Regional Madeirense, em “presumível” alusão às ideologias por detrás da governação da ilha por parte de Alberto João Jardim. “É fazer o 25 de Abril aqui mesmo” O que levou a que o presidente do governo regional madeirense gritasse a célebre palavra: “fascista” e a Assembleia a barrar a entrada no Parlamento madeirense a José Manuel Coelho numa das sessões que se seguiram.


Com as etiquetas , , , , , , , , , , ,

Manifestação em Lisboa, 17 de Novembro de 2010 – Vídeos

http://rd3.videos.sapo.pt/play?file=http://rd3.videos.sapo.pt/volP83zY4lYqgzH29HzN/mov/1

Fonte: SICSAPO Vídeos

À chegada a Lisboa, os estudantes de todo o país recebem a visita de Manuel Alegre, acompanhado pelo antigo presidente da Associação de Coimbra André Oliveira. Alegre continua firme em apoiar todas as acções levadas a cabo pela “sua Academia”.

http://rd3.videos.sapo.pt/play?file=http://rd3.videos.sapo.pt/HNz2bH6F4zoovRTTqHoZ/mov/1

Fonte: SICSapo Vídeos

À saída de Coimbra, Miguel Portugal relembra o mote da manifestação.

http://tv2.rtp.pt/noticias/player.swf?image=http://img0.rtp.pt/icm/noticias/images/18/188f8248915422e5a78cef90d3519fc7_N.jpg&streamer=rtmp://video2.rtp.pt/flv/RTPFiles&file=/informacao/manifestudantes_68622.flv

Reportagem da RTP sobre a manifestação.

Com as etiquetas , , , , , , , , , ,