Tag Archives: Jorge Sampaio

eu não sou de intrigas

tenho cá um pressentimento que esta história do Sócrates comentador político não é bem bem para ser comentador político. já vi o mesmo filme por várias vezes a acontecer dentro do partido socialista: o guterres e o sampaio conspiravam na casa de Algés do antigo primeiro-ministro para mandar a baixo o Soares e no fim das contas, os amigos zangaram-se e o Sampaio bateu couro e o Guterres avançou para as legislativas, deixando ao Sampaio a presidência. quando o Guterres saiu do governo, o Ferro Rodrigues fez figura de palhaço contra Durão Barroso, bateu couro numa oposição muito pobre e depois foi arredado pelas alegações que dele se faziam na sua relação com o escândalo casa pia (confesso que a última frase era para ser foi afastado depois de se saber que também ia ao cú aos meninos) para entrar o sócrates que tratou também ele de despejar o Alegre para fora do partido e ser candidato às legislativas e primeiro-ministro. nas últimas legislativas, o sócrates saiu de cena para Paris, o Seguro ficou com o barco partidário completamente despedaçado, o francisco assis foi queimado pelo caminho e Seguro dançou com Costa, se bem que neste caso, Costa sabia que algo de força maior (o regresso do querido líder) estava a ser preparado. as ilações que se podem tirar destas danças são óbvias: o querido líder não vem de Paris para a RTP para imitar o professor marcelo e dar a machadada final neste pobre (des)governo do PSD e do CDS. vem para buscar o trono perdido. tanto é que com petições e anti-petições, trocas e baldrocas, confusões e enganos, o largo do Rato está novamente em polvorosa e a notícia fez arregimentar num só dia todo um partido embrenhado em tremendas confusões e sectarismos nos últimos meses.

Anúncios
Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , ,

O brilhante discurso de Jorge Sampaio

São discursos como este que me fazem admirar a personalidade e a postura política deste senhor.

No dia que em Nova Iorque na sede das Nações Unidas, os países ricos se comprometeram a ajudar os países pobres no tratamento universal de doentes com HIV (ver aqui o post que escrevi em relação ao acordo) o antigo Presidente da República Portuguesa Jorge Sampaio investido nas vestes de Alto Representante Especial das Nações Unidas para a Luta Contra a Tuberculose deu um murro na mesa e clamou que indiferentemente do estigma que representa o HIV para a humanidade, é de importância capital relembrar que a cada minuto morrem 3 pessoas com o vírus HIV, “sendo inaceitável o enorme número de mortes em todo o mundo devido à doença.”

Para o efeito, o investimento numa estratégia mundial que coloque a acessibilidade ao teste da doença a todos os Homens poderá evitar 1 milhão de mortes entre as pessoas portadoras do vírus e várias centenas de milhares entre as que não são portadoras do vírus.

Segundo comunicado de imprensa da Organização das Nações Unidas, os países desenvolvidos deverão doar entre 15,3 a 16,7 mil milhões de euros para os países que necessitam dessa ajuda. Contudo, ainda não se sabe o leque de países que irão contribuir e ainda não se tomaram medidas para saber se irão contribuir. Esperemos que sim!

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Hilariante

Não me saem da cabeça aquelas imagens da confusão que houve com a entrada de José Sócrates no congresso do PS.

O olhar para a camara daquele segurançamilitante do PS é pura e simplesmente hilariante.

Com este congresso, o PS provou ter uma máquina eleitoral demolidora. Os tolinhos dos militantes da província (camaradas) aparecem lá no congresso com as suas bandeiras e cachecóis pelo cheiro de meia dúzia de bifanas no pão, como se o Partido Socialista fosse efectivamente um grande clube de futebol prestes a atingir a final da Champions League.

Não existem muitas críticas nem oposição interna no partido. Acusam os outros de andar a reboque das grandes instâncias financeiras mundiais mas na verdade, todos aqueles que se deslocaram a Matosinhos estão nas palminhas da mão de um líder falacioso, egocêntrico, inverosímel e acima de tudo autista, visto que não é capaz de respeitar os princípios mais básicos da convivência e do diálogo entre os homens (não aceita críticas) e os princípios basilares do jogo democrático.

Tenho pena deste Partido Socialista de Sócrates. Não é o mesmo partido de Soares, Alegre, Sampaio ou António Guterres. É uma sombra. É uma nódoa. É um poço inesgotável de políticos inúteis. E como tal, será julgado em eleições pelo povo sem qualquer tipo de piedade.

Com as etiquetas , , , , , , ,