Cromos da bola #8

Festa entre os Hinchas de La Plata.

La “Bruja” Juan Sebastián Verón retirou-se aos 37 anos do futebol profissional, depois de 18 épocas a alto nível nos Estudiantes, Boca Juniors, Sampdoria, Parma, Lazio, Inter, Manchester United, Chelsea e depois… como não poderia deixar de ser Estudiantes, onde venceu a Libertadores em 2009.

Verón foi outro dos grandes jogadores que tive o prazer de ver jogar. Toque de bola sublime. Não falhava um passe. Não descansava num jogo enquanto não fizesse uma assistência para golo. Tacticamente perfeito. Duro na abordagem defensiva.

No entanto, as lesões não possibilitaram que se pudesse tornar o melhor jogador do mundo na viragem do século. Tanto no Parma como na Lázio, o joelho direito começou a ceder. Em Inglaterra, tanto no Chelsea como no Manchester United pouco ou nada fez. Acabou em La Plata, uma carreira recheada de títulos: 2 campeonatos apertura argentinos e 1 Libertadores ao serviço do seu clube de formação, 2 campeonatos italianos ao serviço da Lázio e Inter, 4 taças de itália ao serviço dos Laziale, do Parma e do Inter (2), 2 supertaças de itália também elas na Lázio e no Inter, e uma Taça Uefa ao serviço dos Parmegianos.

Também atravessada na garganta lhe deve ter ficado a eliminação Argentina no mundial de 1998 em França aos pés dos também eles brilhantes Holandeses num jogaço de quartos-de-final que acabaria por ficar 4-2.

Anúncios
Com as etiquetas , , , , , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: