Demissões parte II

Uma pessoa da Direcção-Geral diz-me que um dos pontos negativos que levaram à demissão do Miguel (Andrade) foi por exemplo que o mesmo não sabia fazer um depósito.

Perguntava-me essa pessoa como é que “uma pessoa que não sabe fazer um depósito bancário pode ser tesoureira da AAC?”

Miguel, não eras tu que jogavas poker? Como é que depositas para jogar? – pergunto-te eu.

E como é possível alguém, sabendo efectivamente que eu conheço o mandato desta DG de fio a pavio, tentar-me enganar com estas lérias?

Para a próxima, tenta-me engatar. Pode ser que me convenças.

 

 

Com as etiquetas , , ,

2 thoughts on “Demissões parte II

  1. Marcos Lemos diz:

    Conheço velhinhas analfabetas que sabes fazer depósitos bancários. Basta chegar-se ao balcão (ter meio de locomoção, pernas, cadeiras de rodas, etc.) e dizer que se quer fazer um depósito (é preciso ter boca, língua, ou no máximo, papel e caneta)…

  2. Pelos vistos, o Miguel não sabe fazer.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: