futeboladas

(Em detrimento de problemas com a wordpress e com os servidores que alojam os videos, alguns softwares poderão não ser capazes de vislumbrar o video encorporado no post. em todo o caso, caso não consigam ver os videos, cliquem por cima dos links. peço imensa desculpa pelo incómodo e pela eventualidade de falta de estética do post)

http://videa.hu/flvplayer.swf?v=KHQ5S8EtDp8K40mS

A bom da verdade, o Porto não jogou nada em Chipre. É um Porto que joga a anos-luz da era Villas-Boas e que há muitos jogos que andava a pedir um resultado assim.

Não é que o APOEL tenha melhor equipa que o Porto. Nem por sombras. Não concordo com Vitor Pereira quando este disse na flash interview que o Porto “trabalhou bem” – O Porto não jogou nada. O Porto não criou oportunidades de golo durante os 90 minutos, apesar dos 22 remates que fez (6 dos quais à baliza). O Porto apenas se pode lamentar das péssimas decisões da arbitragem: os dois penaltis não existem e o 2º golo do APOEL parece-me em claro fora-de-jogo.

Este Porto é um Porto estranho. Existem muitas unidades em défice de forma. Moutinho, Rolando, Hulk, Álvaro Pereira, Moutinho, Guarín. Um avançado completamente inexistente. Uma defesa que treme por todos os cantos sem Otamendi. A utilização de Mangala começa a ser um perigo e de Defour ainda pouco se viu.

E as coisas, postas nesta forma, estão muito negras para o clube. Pinto da Costa está num claro dilema: despedir Vitor Pereira e tentar salvar a época nem que seja com a revalidação do título nacional ou manter o treinador dos 18 milhões de clásula de rescisão até ao final da época, mantendo intacto o orgulho demonstrado nas suas declarações de início de época.

Da equipa de Chipre, valeu a organização, principalmente a organização defensiva. Dois jogadores a cair na zona de Hulk quando este tinha a bola foi o facto que mais me saltou à vista. Um meio campo que não deixava jogar e um avançado  que parece demais para um clube cipriota. Gostava de ter a oportunidade de ver o desempenho desta equipa numa liga como a Portuguesa.

O Apuramento, esse, está a fugir aos poucos. Urgem decisões na estrutura portista.

http://video.rutube.ru/4864f8da70cc69e97cbf02177b910ff9

O Zenit está praticamente qualificado, bastando-lhe apenas um empate na visita ao Porto.

http://video.rutube.ru/ab243587864732d5ed0492e95be65ebc

Surpresa da jornada na Bielorussia. O modesto Bate Borisov conseguiu arrancar um empate ao Milan. A equipa Milanesa pareceu-me muito cansada em resultado do desgaste acumulado na vitória de Sábado contra a Roma para o campeonato por 3-2, num jogo que ficou muito marcado pelo estranho AVC isquémico que deu a Antonio Cassano no final do jogo.
O 1º lugar do grupo é claramente do Barça, que foi à República Checa vencer o Viktoria Plzen por 3-0, aproveitando para tal Guardiola para fazer rodar o seu plantel e inserir novamente o jovem extremo Cuenca.

http://videa.hu/flvplayer.swf?v=u83DbSBA1bQKrs0t

Depois da dolorosa derrota caseira frente ao Arsenal por 5-3, o Chelsea de Villas-Boas poderia ter carimbado esta noite o passaporte para os oitavos-de-final da prova na Bélgica, mas num jogo muito atípico por parte dos Blues acabou por empatar a 1 bola contra o campeão Belga, o Genk.
Ramires inaugurou o marcador aos 26″ e o Chelsea, pelo pouco que vi da 1ª parte, parecia governar o jogo à vontade, podendo até estender a sua liderança no marcador por várias vezes. David Luiz chegou inclusive a desperdiçar uma grande penalidade claríssima em virtude de uma bola no braço de Buffen. Por mais que me convençam, não consigo perceber como é que Villas-Boas, tendo bastantes jogadores que chutam bem em campo (Meireles; Ramires por exemplo) coloca um jogador como David Luiz a bater penalties.
O Genk respondeu bem na 2ª parte e haveria de chegar ao empate

Quem aproveitou e bem a derrota do Chelsea para equilibrar as contas do grupo foi o Valência. No Mestalla, os Valencianos marcaram o seu 5º ponto no grupo, num jogo em que precisavam claramente de bater o Leverkusen para alimentar as hipóteses de ainda se qualificarem.
Foi mais uma excelente exibição de Roberto Soldado, autor do 2º golo Ché.

O Chelsea lidera com 8 pontos. Bayern de Leverkusen tem 6. Valência 5 e Genk 2. Prevê-se uma 5ª jornada de emoções fortes com o Leverkusen a receber o Chelsea e o Valência a receber o Genk.

No grupo F, Marselha e Arsenal empataram a 0 em Londres e o Arsenal mantem a liderança com 8 pontos. Marselha tem 7. O Borussia de Dortmund venceu o seu jogo contra o Olympiacos por 1-0 mas soma apenas 4 pontos e terá que fazer pela vida nas próximas duas jornadas.

A Liga tem continuação amanhã com os jogos dos Grupos A, B, C e D.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: