Académica 3-3 Beira-Mar


Resumidamente, faço a minha observação sob o desenrolar deste Académica 3-3 Beira-Mar por tópicos:

Em primeiro lugar, faço do relato do jogo o relato que o Pedro Alcaide e o Zé Ribeiro nos deixaram no Beira-Mar 1922 e no Bancada Norte. Eu próprio não conseguiria exprimir tão bem aquilo que se passou dentro das 4 linhas.

Aproveito também para publicamente deixar o recado à futura direcção do Beira-Mar para a próxima época: contra a Académica, bilhetes a 1 euro para o pessoal de Coimbra com entrada barrada a todos aqueles que não se apresentem com uma camisola do Beira-Mar. Se vamos brincar no preço dos bilhetes, vamos brincar a sério desta vez.

Em segundo lugar, quero perguntar quem é a Mancha Negra? É alguma seita? É que a única mancha negra que conheço é a do petróleo que foi derramado no Golfo do México há uns meses atrás pela Exxon Mobil. Em Coimbra não há nenhuma mancha negra. Se existe, não se viram, não se ouviram…

Em terceiro lugar, quero agradecer publicamente ao Artur Cruz (presidente dos Auri-Negros), ao Nuno Quintaneiro Martins, a todos os Ultras e a todo o público que povoou aquele pedaço de bancada do Topo Sul e que não se calou durante 90 minutos. O esforço deles para que esta verdadeira Invasão fosse um sucesso foi inegável, altruísta e de um amor tremendo pelo clube.

Em quarto lugar, quero agradecer aos jogadores e equipa técnica por mais 90 minutos à beira-mar. A raça, a crença na vitória, o espírito de luta,  parece nunca acabar neste grupo, que a bom da verdade não merece o 8º lugar mas sim o 3º da Liga. Honram Aveiro, honram-nos a nós em todos os campos onde vão jogar esta época.

Em quinto lugar, gostaria de abrir o dicionário para vos dar o significado do apelido do árbitro: Gralha.

Segundo o dicionário de língua portuguesa que disponho aqui em casa, gralha significa “um passáro negro muito ruidoso um texto cheio de erros ortográficos ou no calão, o ataque a alguém que comete muitos erros deliberadamente”

Penso que está tudo explicado em relação ao Gralha (André), árbitro desta partida.

Talvez, os pais do referido senhor deveriam ter o apelido Graça, visto que o filho fez com que pela obra e graça do Sr. a Académica empatasse esta partida.

Aos fiscais de linha de André Gralha, só lhes posso recomendar uma ida ao Dr. Louceiro (atende nos HUC, em Águeda e em Aveiro)  para fazer um check-up rigoroso à visão pois não compreendo como é que em dois lances iguais conseguiram assinalar um golo e anular outro. Talvez o facto de ser o 4-3 (sim porque no final considero que o Beira ganhou 5-3) e de ser aos 89″ deverá ter influenciado a sua decisão.

Já agora, caso necessitem de óculos, vão ao presidente arguido apresentar a factura, visto que quem paga o jantar é sempre o aniversariante.

Em sexto lugar, tenho a referir como o futebol faz com que apareça gente burra na blogosfera. A tendência clubística exacerbada de alguns senhores que andam sempre ali pelos lados do Estádio Municipal de Coimbra torna-os acéfalos e impede-os de ver a bola com uma ponta de brio e verdade desportiva. O Administrador do Académica Sempre e um tal de Rui Rodrigues que comentou aqui no Record Online são o exemplo de pessoas cujas palas na cabeça os impedem de ver o futebol como ele é para além do Bairro Norton de Matos.

Em sétimo lugar e por último, como sou uma pessoa que preza o fairplay no futebol, lamento o acidente que aconteceu ao JP líder da tal mancha negra que hoje caiu ao festejar o golo da Briosa e partiu o cotovelo, desejando-lhe rápidas melhoras.

Com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

15 thoughts on “Académica 3-3 Beira-Mar

  1. Rui Rodrigues diz:

    Quando referires o meu nome fá-lo com respeito que agora vais ter de engolir o insulto depois de veres as imagens. Penalty roubado e o ultimo golo bem anulado. O 3-3 não dá para ver. Por isso agradece ao Gralha ter desviado mais de um metro o local da falta sobre o Pedro Costa, tirando-o da área. Não me dei ao trabalho de ir ler as crónicas que citaste, mas como estive lá vi uma Académica demasiado cansada, demasiado mexida e com 3 invenções do treinador, Pape Sow a central, ele nem devia jogar futebol, Pedro Costa a defesa direito, dois golos pelo lado dele, e Laionel a10… Vi um adversário com qualidade, mais rotinado e mais motivado.
    Quanto à “invasão” basta ver a foto que está no Facebook de uma claque Auri-Negra.
    Se não vês a MN, basta veres o resumo de 5ª feira em Guimarães para comparares a dimensão das duas claques.Não sei qts estavam hj porque estava na bancada de cima e não os vemos de lá mas deviam ser mais do que os 70 que estavam de amarelo na bancada sul…

  2. João Branco diz:

    Rui Rodrigues,

    Desculpe o facto de não o tratar cordialmente, à semelhança daquilo que é apanágio neste blog a todos aqueles que comentam. Desculpe lá o mau jeito, fruto de quem (com uma arrogancia deliberada) olha para si de alto para baixo numa expressão tão nortenha que designamos de “cagar de alto”.

    Acho engraçado o facto do Rui ter vindo morder o isco à minha provocação. Agora fala-me em imagens, mas quando comentou no Record Online não dispunha de imagens. Na Argumentação e na lógica Rui Rodrigues, existe um factor essencial que é o factor razão e essa, Rui Rodrigues, está claramente do nosso lado.

    Vi as imagens. O lance do Pedro Costa fez-me lembrar o antigo calhabé – tinha as piscinas da Académica ao lado. O Pedro Costa talvez não se lembre da briosa desse tempo, mas eu (putito) de vez em quando ia assistir à briosa com o meu pai e todo aquele lance pareceu-me um salto deliberado para a piscina. É dentro da área e nisso dou-lhe a razão, mas para ser falta precisa de outro ingrediente que é o contacto deliberado do defensor e aí, Rui Rodrigues, o Pedro Costa atirou-se literalmente contra o André Marques à procura de sorte e o Gralha teve bem em assinalar.

    Golos: o 1º anulado é golo limpo e o 2º é bem anulado. Não se esqueça de outros pormenores: a substituição que não entrou (4 minutos à espera) e o golo da Académica nesse espaço de tempo e a substituição pronta de outro jogador do Beira logo após o golo. Depois do golo, o Grelha demorou assim tanto tempo para ver?
    Outra: uma falta na 2ª parte, duríssima e por trás do Pedro Costa sobre o Élio que pelas regras da FIFA é vermelho directo. Outra: um pé em riste sobre o Artur que dava livre indirecto. Outra: as sucessivas faltas do Addy sobre o Artur e as reclamações dos jogadores da Académica na cara do fiscal de linha. E agora, vai se servir das imagens?

    Quanto ao jogo da Académica em Guimarães. Essa do cansaço não é desculpa. Decerto que a Académica tem 25 jogadores no plantel para rodar em todas as competições. Decerto que deixou jogadores de fora do encontro de Guimarães. Porque é que Zé Guilherme não os meteu? Explique-se.
    Quanto ao facto de considerar que existem jogadores na Académica que não merecem jogar, o vosso orçamento anual desportivo não é de 7,5 milhões de euros? Será que esse valor não dá para construir uma equipa competitiva em todos os sectores para fazer boas prestações em todas as frentes? Pergunte ao seu presidente para onde vai o dinheiro. Isto, se ainda o apanhar à solta até dia 20 de Fevereiro, pois em caso contrário, só o verá aos quadradinhos ali pros lados da Taberna Costa, se é que me entende…

    Quanto à “Invasão” – vieram os que puderam, vieram os que gostam, vieram aqueles que tem dinheiro para vir ao futebol. Não está fácil nos dias que correm. Não o tomo como autista, você sabe bem qual é a realidade deste país. Se não vieram mais, não é culpa nossa. Não temos nenhum imperativo categórico de moral Kantiana ao dispor para arrancar as pessoas de casa para vir à bola.
    No entanto, creio que é mau você não admitir que nós (70, 100, 300 ou punhetas lambidas) calamos a sua claque. Falam falam de Guimarães, mas o que é certo é que tenho relatos que no final, todos vós meteram-se a caminho do autocarro com medo deles. E estes relatos vem de quem é Mancha Negra. Não se preocupem e continuem a provocá-los. Agora, não se esqueçam que eles dia 19 de Abril vem a Coimbra em peso e vem para vos dar na boca como leões. Se calhar, é o que o tipo do Académica Sempre (aquele lindinho que nem cara para levar dois pares de chapadas tem – sim, porque eu já sei quem ele é e qualquer dia apanho-o aí numa viela e dou-lhe umas quantas a sério) merece…

    E acho que com isto já me alonguei demasiado no comentário. Sabe, a FDUC um dia ensinou-me a argumentar com todas as armas que encontro ao meu dispor. Culpa dos vossos catedráticos. Aguente-se à bronca. Uma coisa tenho como certa, nós estamos à vossa frente no campeonato e temos um orçamento 3 vezes menor que o vosso e um passivo sensivelmente a metade do vosso (sim, porque o vosso é de 10 milhões). Ponham-se a pau que ainda vão fazer companhia aos Figueirinhas. Na 2ª.

  3. João Branco diz:

    Dado que não respondeu (até agora) ao último comentário, quer continuar a encher a boca para dizer disparates ou ficamos por aqui?

  4. Ruben diz:

    A grande João 🙂 Dissestes tudo pá..Estes paneleiros do cu de judas vem para aqui queixarem-se do que? Não somos nos que temos um presidente corrupto. Os coimbrinhas que se preparem porque a merda que foi escrita no academica sempre ja anda a circular por sites afectos ao vitoria de guimaraes

  5. João Branco diz:

    Esquece ó Ruben! Eles vem para aqui armados em leões e depois batem em retirada para as tocas tipo toupeiras.

    Pá, também ando a seguir os sites e blogs do Guimarães e só te digo que quando eles vieram aqui a Coimbra vou comprar um cachecol deles e vou pro meio da claque deles.

  6. Miguel diz:

    Clube insignificante…

  7. João Branco diz:

    Ó Sr. Miguel Andrade,

    Vá lá tratar das contas da Direcção-Geral que a gente está muito satisfeita com a nossa realidade actual.

    Não consigo perceber como é que nos podes chamar insignificantes, quando ganhámos exactamente o mesmo troféu por 1 vez, quando levamos mais ou menos a mesma gente ao estádio (no site da Liga de Clubes vocês realizaram mais um jogo em casa e conseguiram meter mais 4 mil pessoas que nós), quando ambos passamos por problemas financeiros graves (passivo de 5 milhões do Beira contra um passivo de 10 milhões da Académica) e ainda por cima quando esta época estamos à vossa frente por 4 pontos.

    A única coisa em que a Académica é claramente superior é no número de presenças na Liga. No entanto, excusam de se estar sempre a defender com esse argumento porque de facto presenças na Liga não são sinal de títulos.

  8. Miguel diz:

    É impressão minha ou estás a TENTAR comparar a AAC/OAF ao Beira-Mar?
    Se assim for, não me resta nada senão recomendar o não consumo excessivo de bebidas alcoólicas ou então uma consulta urgente nos HUC por motivos de suspeita de alucinações e esquizofrenia.

    A pseudo-rivalidade que vocês têm connosco a nós não nos diz nada, isto porque nos recusamos a comparar a nossa grandeza com a vossa, que é inexistente.

    Disse

    P.S. Não vou voltar a dispensar mais tempo para falar deste assunto

  9. João Branco diz:

    Miguel Andrade,

    Pelo tom insultuoso e mesquinho do teu último comentário que não se coaduna em nada com a postura civica que deves manter enquanto dirigente associativo e estudante da Academia de Coimbra, recuso-me a responder. Pelo menos à letra. Porque senão poderemos ter chatices, que devido à temática em questão deste post, são de evitar…

  10. João Carlos diz:

    és muito fraquinho nisto, para quem diz que vês o futebol, real, e que os outros é que têm pala nos olhos, digo-te já, és muito fraquinho, pois, com este texto, quem parece que vê mal és tu, um simples clubista, o normal em Portugal!

  11. Ruben diz:

    Os adeptos da briosa dão-me diabetes…..Ó Miguel, somos pobres mas honestos, pelo menos nisso somos melhores que vocês,e alem disso temos mais quatro pontos que o vosso clube na presente temporada, e com um orçamento bastante inferior ao vosso,,Como é que explicas a grandiosa académica estar atrás do pobre-tanas do Beira-Mar????

  12. João Branco diz:

    Ruben,

    Não lhe peças para explicar nada. Ele deveria estar mais preocupado em gerir o orçamento da Direcção-Geral da Associação Académica de Coimbra do que andar a distribuir mimos aqui ao administrador deste humilde espaço. Mal sabe ele que quem se mete com franco-atiradores está sujeito a levar um tiro.

  13. Carlos Silva diz:

    Caro João, enquanto sócio da Associação Académica de Coimbra e parte integrante da viagem a Guimarães, não posso deixar de manifestar o meu desagrado com os seus comentários. Diz o Sr. que saiu a Mancha Negra do Estádio D. Afonso Henriques com “o rabo entre as pernas” a correr para o autocarro com medo? Pensei que o Sr. com tão elevada moral e sentido ético só falaria do que conhecia, é que caso não saiba, todos os integrantes da viagem da MN a Guimarães saíram do estádio quando a PSP a isso solicitou. Não percebo, portanto, porque crítica o respeito dos adeptos da briosa pelas forças de segurança.

    Não posso, mais uma vez, deixar passar em branco uma falsidade que o Sr. fez questão de referir. O orçamento da AAC/OAF para a época desportiva em curso foi de 5 milhões de euros sensivelmente (bem menos dos 7,5M que o Sr. referiu). Certo é que o orçamento do Beira-Mar é inferior dando ainda mais mérito ao lugar que, merecidamente, a equipa aveirense ocupa.

    Quanto ao jogo, não tenho problemas em afirmar que o Beira-Mar foi a melhor equipa em campo, lutou mais e tem uma organização excelente (é o que dá terem um óptimo treinador, enquanto que a briosa tem… bom temos preparadores físicos..).

    Não me querendo alongar mais, espero que os excessos de linguagem de alguns adeptos da Associação Académica de Coimbra, não manchem a imagem que esta tão nobre instituição tem perante o comum adepto de futebol.

    Continue o bom “trabalho” que tem feito com o blog. Felicidades

  14. João Branco diz:

    Carlos Silva,

    Com todo o respeito pelo seu comentário, dou a mão à palmatória pelo que toca ao erro que cometi no orçamento da AcadémicaOAF.

    Quanto à Mancha Negra em Guimarães, baseei-me em relatos de amigos que foram assistir ao referido jogo. Como fiz questão de mencionar no comentário em questão – “Falam falam de Guimarães, mas o que é certo é que tenho relatos que no final, todos vós meteram-se a caminho do autocarro com medo deles. E estes relatos vem de quem é Mancha Negra.” – como se pode ler nesta transcrição.

    Para finalizar a minha intervenção, agradeço o esclarecimento e o elogio a este blog.

  15. David Carvalho diz:

    Venho tarde para responder, mas encontrei este post numa pesquisa no google. Tenho pena de perceber que não há o respeito hoje em dia entre os AN e a MN, pois há uns anos quando o Nuno Martins estudava cá em Coimbra pelo menos as 2 direcções davam-se bem. Tenho inclusivé ainda uma t-shirts dos Auri-Negros que me foi oferecida, bem como lia com gosto a vossa zine, etc. Enfim, admirava-vos. Não entendo donde surgiu este pseudo-ódio. Rivalidade sim, mas algo saudável. É bom para o futebol ter alguma rivalidade. Mas só isso…
    Lamento sinceramente. Não tenho nada contra o Beira-Mar, mas também não espero que nada tenham contra a Académica. Cada um deve apoiar o seu clube local, e só isso. Em vez de clubes como o Beira, Académica etc, se unirem contra o monopólio dos 3 estarolas, afinal arranjam guerrinhas? Nunca faço parte delas… vou-me abster disto.
    Cumprimentos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: