As opções de Mubarak

Perante o caos social que tem marcado a vida no Cairo na última semana, creio que Mubarak só pode optar por um de dois caminhos: ou sai do poder a bem ou sai do poder a mal. Agora. Para que não se derrame mais sangue e para evitar uma guerra civil que poderá dizimar milhares de pessoas.

Deixar que o ditador permaneça no poder até Setembro com o pressuposto de “estar a trabalhar para uma transição para um regime democrático” é dar-lhe um voto de confiança para que se mantenha no poder e como tal, alimentar um foco constante de instabilidade política e social na região. O que não é benéfico para os Estados Unidos da América e para os países europeus que são parceiros comerciais do Estado Egípcio.

Manter Mubarak no poder também pode ser uma oportunidade para que o fundamentalismo Islâmico cresça e transforme as posições externas de um país que ao longo das décadas sempre manteve uma postura neutra perante os conflitos entre o mundo ocidental e o mundo árabe (excepto nas questões regionais que teve com Israel) e que sempre desempenhou um papel de mediação nas tensões políticas que aconteceram ao longo dos anos na região.


Anúncios
Com as etiquetas , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: