Demissões na AAC

Eduardo Barroco de Melo começou o seu mandato com um com uma demissão surpreendente. João Alexandre, secretário-geral da Queima das Fitas foi demitido. O sempre atento Denúncia Coimbrã dá-nos os pormenores aqui.

Acrescento mais. Isto da política tem muito que se lhe diga. Quando se preparou a sucessão de Miguel Portugal, haviam dois candidatos dentro da DG e nenhum deles era o Eduardo, que no fundo acabou por ser a escolha consensual para evitar guerras internas dentro da DG no final do mandato.

A saída do João Alexandre é injusta. Já o tinha avisado antes de uma Assembleia Magna que a grande novela política da Academia após as eleições seria a Queima das Fitas. Sem mencionar nomes, agora confirma-se: um dos pré-candidatos vai para a Queima. E nisso só vos posso adiantar uma coisa: já comentou este blog, e comentou-o a partir da sala do CIUC.

Esperam-se mais desenvolvimentos nesta história.

Com as etiquetas , , , , , , ,

One thought on “Demissões na AAC

  1. InTo"chi"cação diz:

    joel, andré gomes ou marco veloso? Quem é que o eduardinho quer ver no poleiro?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: